OTIMIZANDO SEU INVESTIMENTO EM MARKETING PARA LOJA VIRTUAL

LUCRANDO ALÉM DA VENDA

– Normalmente as ações de marketing têm como foco a atração de visitantes para a loja virtual, ou seja, a maior parte é investida na atração, e muito pouco é destinado à conversão e fidelização (relacionamento).
Mas, como demonstrado no último Webshopper, pesquisa realizada pelo E-bit, aproximadamente 98% das pessoas que são atraídas até sua loja virtual vão embora sem realizar nenhuma ação.
Isso quer dizer que a cada 1000 pessoas que são atraídas pelo seu investimento em marketing, 980 vão embora sem dizer olá!
Para reverter esse número e otimizar o seu investimento em marketing, além de manter sua loja virtual otimizada para venda, é importante focar em conversões que vão além da venda. O objetivo é fazer com que você alcance mais retorno com o mesmo investimento, sem alterar o seu custo de aquisição de cliente (CAC).
Dentro de estratégias como funil de conversão, ou inbound marketing, a alvo consiste em conseguir fazer com que o visitante da loja deixe algum meio de contato, normalmente o e-mail, para contatos posteriores, e início de um relacionamento.
Isso é importante porque entre os visitantes de sua loja existem pessoas em estágios diferentes do processo de compra.
Conhecer a jornada de compra de seu cliente é fundamental para saber como aproveitar ao máximo a presença dele em sua loja, obtendo e ofertando aquilo que ele busca
Existem algumas etapas pelas quais quase todos os consumidores passam antes da decisão de compra. São elas:
1) Etapa de descoberta e consciência;
2) Estágio de consideração da compra;
3) Estágio da decisão;

Otimizando marketing - Etapas processo de compra
Otimizando marketing – Etapas processo de compra

Após a compra, existem outros estágios e formas de fidelização, mas vamos nos ater ao momento pré-compra, e como obter dados que possibilitem a conversão do visitante em cliente.

Leads: Uma das principais aquisições em qualquer tipo de negócio, é obter a chance de se comunicar diretamente com potenciais clientes. A esses potenciais clientes, dá-se geralmente o nome de leads.
Leads são aqueles clientes que entraram em sua loja, que ainda não estão no estágio da compra mas que estão dispostos a conhecer melhor o produto. Ter uma forma de contatar esse cliente e criar uma relação de confiança com ele certamente é um patrimônio maior do que tê-lo como cliente uma única vez e depois disso fazer novamente todo o investimento em marketing para atraí-lo para uma nova compra.

Como converter um visitante em lead?

Existem algumas ações que efetivamente conseguem fazer com que o visitante forneça os dados para contato.
A mais eficiente das estratégias, sem dúvidas, é a geração de conteúdos. Criar conteúdo relevante, que tenham valor para o visitante de sua loja virtual é fundamental para convencê-lo a fornecer seu e-mail ou telefone. É uma troca. Ele fornece seu contato em troca de aklguma coisa que tenha valor para ele.
Definir qual é a “coisa” que faria ele dar o e-mail em troca depende de saber exatamente quem é o seu visitante.
Depois de defirnir o que “dar” ao visitante, é preciso definir em que formato esse conteúdo será entregue. Veja algumas formas:
– E-Books;
– Whitepapers;
– Planilhas, Modelos e Checklists
– Webinars;
– Vídeos;
– Infográficos

Algumas lojas oferecem desconto em troca dessa informação, e isso pode surtir efeito, mas é válido apenas para aquele visitante que já está no estágio de compra, precisando apenas de um empurrãozinho para decidir onde comprar.

Após conseguir os dados do visitante, é importante ter um bom plano de relacionamento para manter o contato interessado em seu produto, e acima de tudo em sua amizade.

Construir uma seqüencia de e-mails e de material a ser oferecido é de extrema importância. Para implementar essa estratégia de alimentação de leads, podem ser usados os sistemas de automação de marketing.

Amadureça a idéia de ganhar além das vendas e coloque esse plano em ação.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *